O site bom prá cachorro!
Home » , » A posse responsável de animais é um compromisso com a vida

A posse responsável de animais é um compromisso com a vida

Written By CACHORRO BOM on domingo, 4 de novembro de 2012 | 20:48

A irresponsabilidade na posse dos animais não é privilégio das classes menos favorecidas 
Alguns moradores da favela, até procuram amenizar o problema dos animais abandonados, os adotando e levando para a comunidade.
- Por Vininha F. Carvalho - 
A aplicação de uma política nacional que vise controlar a superpopulação, implantando leis que especifiquem as responsabilidades do dono, somada a um eficiente trabalho desenvolvido pela vigilância epidemiológica, garantiria uma qualidade de vida á todos.
A falta de união entre as associações protetoras, clínicas veterinárias e órgãos públicos permitiu que a população canina brasileira ultrapassasse os 5 milhões de animais, limite recomendado pela Organização Mundial de Saúde.
Para controlar o risco de doenças e ataques, o correto é a presença de um cão para cada dez habitantes.

Na cidade de São Paulo, existem  1,3 milhão de cães, o equivalente a um por oito habitantes.
Os Estados do Centro-Oeste tem a média de dois cães para cada dez pessoas.
Os Estados do sul são os únicos adequados a recomendação da OMS.

Existe um mito que todos os cães devem procriar pelo menos uma vez para que eles permaneçam sempre saudáveis. Na realidade, a fêmea esterilizada reduz a chance de desenvolver câncer de mamas e infecções no útero e os machos de se envolverem em acidentes de trânsito, brigas e mordeduras.

O macho não castrado, se não tiver condições de cruzar regularmente, torna-se mais violento e propenso ao ataque e a transmissão de doenças contagiosas.

A cada criança que nasce, nascem 15 cães e 45 gatos.
Numa estimativa aproximada, a cadela no prazo de 6 anos gera indiretamente 64 mil filhotes e a gata, em 7 anos gera 420 mil novos seres.
O número de animais abandonados, não é maior porque muitos morrem precocemente.

Os abrigos não representam a melhor opção, 
e sim uma forma de armazenar o problema, 
sem poder nem a curto ou longo prazo encontrar uma solução .

Adotar um animal exige responsabilidade do dono e um compromisso com a vida deste ser indefeso.
O abandono precisa ser encarado como um ato desprezível.

O trato dispensado ao animal deveria caracterizar o perfil do caráter da pessoa. Quem o maltratasse deveria ser marginalizado pela sociedade.

Somente o idealismo não é suficiente para encontrarmos o melhor caminho. Precisamos agir e cobrar um programa humanitário nas escolas, uma campanha de conscientização para que a população saiba como evitar a procriação e a comercialização indiscriminada de filhotes.

Os animais não podem pagar com a vida o preço da incoerência humana. 
No passado,os trouxeram para nossa sociedade e hoje não querem assumir a conseqüência deste ato.
Toda posse deve ser responsável. Não ignore teu amigo!

Infraestrutura básica para facilitar a adaptação do animal:
- Comedouro e tigela para água
- Caminha e/ou casinha
- Ração específica para filhote, de acordo com a raça do animal e indicada por um médico veterinário
- Coleira
- Sanitário ou tapete higiênico

Posse Responsável
Uma posse responsável é aquela que fornece respeito e amor ao animal de estimação.
Antes de trazer o mais novo "membro da família" para casa, algumas dicas podem ajudar:
  • Planeje-se, pois será necessário reestruturar o orçamento, bem como estar atento aos gastos imprevistos;
  • Programe-se, afinal o novo membro necessitará de um tempo para ele e cuidados especiais; portanto, avalie muito bem o tempo em que ficará longe de casa bem como as suas férias;
  • Saiba que ele viverá, aproximadamente, 10 a 15 anos; ou seja, ele não será aquele animalzinho "fofinho" e pequenino para sempre;
  • Ele passará por vários estágios na vida e necessitará de muita compreensão para ser feliz;
  • Verifique se o porte do animal é indicado para sua residência, afinal há muita diferença entre casa e apartamento;
  • Proporcione uma alimentação adequada, água fresca, ministre assistência veterinária e as vacinas necessárias para mantê-lo saudável;
  • Não repreenda o animal sem antes saber o porque de ter tomado tal atitude;
  • Lembre-se que o animal precisa de um lar e não de uma prisão, portanto não o prenda em correntes;
  • Jamais abandone o seu animal, porque além de ser crime , é uma enorme crueldade.

- Vivinha F. Carvalho é presidente da ONG Animal Livre - 
   www.animallivre.org.br

Share this article :

0 comentários:

Speak up your mind

Tell us what you're thinking... !

PET SHOPS AGORA SÃO OBRIGADOS A CONTRATAR VETERINÁRIO PARA INSPEÇÃO DIÁRIA NOS ANIMAIS

PET SHOPS AGORA SÃO OBRIGADOS A CONTRATAR VETERINÁRIO PARA INSPEÇÃO DIÁRIA NOS ANIMAIS
Medida entra em vigor a partir de 15 de janeiro para garantir bem-estar de animais sob cuidados de estabelecimentos como Pet Shop, Banho e Tosa e Lojas de Ração e Feiras de Animais que vendam ou tenham animais em exposição.
 
Support : Creating Website | Johny Template | Mas Template
Proudly powered by Blogger
Copyright © 2011. PROJETO CACHORRO BOM - All Rights Reserved
Template Design by Creating Website Published by Mas Template